Mineiro tem Doutorado em Receber


Se quiser entender como funciona a cabeça de um mineiro, converse com ele. Mas não tenha pressa. É importante que esteja com os ouvidos abertos e o coração também, e não fique cuidando de seu jeito simples de falar.

Apenas se permita ser tocado por essa sabedoria que passa de mãe pra filho e rompe gerações. São histórias de uma gente que de tanto lutar, aprendeu a ser valente e se engana quem pensa que seu jeito manso é sinal de tolice.

Esse povo tão "jeitoso" tem mil maneiras de dizer que "bão dimais" é estar com alguém querido. Se por ventura, ele dizer:  "Vamu se achegar", é sinal que a prosa tá tão boa, que precisa de um café com bolo e pão de queijo pra não terminar.

Porque é na mesa que o mineiro mais se declara, é nas quitandas feitas com tanto carinho, é nos almoços de domingo, é no sorriso largo ao receber a gente no portão, é no abraço quente e demorado. Aaaahh... mineiro tem doutorado em saber fazer o outro se sentir bem.


Um grande abraço!


Á Mineira também está presente em outros canais, se tiver um tempo é logo "ali":

https://www.linkedin.com/in/analuciamachado/recent-activity/posts/

https://www.facebook.com/alumineira/



Postagens mais visitadas deste blog

Mineiro nasceu para acolher

Aqui em Minas, os versos são bordados e alinhavados...

​03 coisas que você não pode deixar de fazer em Minas